Rota das Capelas reúne 400 ciclistas de 48 cidades neste feriado de Corpus Christi

A realização do 2ª evento de divulgação e apresentação da Rota das Capelas – Alto Cafezal, um passeio ciclístico de alta performance, organizado pelos ciclistas para promover o cicloturismo que é muito forte na região de Marília, acontece na próxima quinta-feira, dia 30 de maio. Com um percurso de 100 quilômetros com duração média de seis horas, cerca de 400 ciclistas de 48 cidades partem às 6h de frente da Catedral Basílica Menor de São Bento, no centro de Marília, e termina em frente ao Mosteiro da Divina Misericórdia, na estrada do Distrito de Avencas.

Com o apoio da Prefeitura Municipal de Marília, por intermédio da Secretaria Municipal de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico de Marília, o trecho ciclístico intitulado de ‘Rota das Capelas – Alto Cafezal’ vai percorrer estradas rurais de Marília, Ocauçu, Nova Colômbia e São Benedito (distritos de Ocauçu), Amadeu Amaral e Avencas (distrito de Marília).

Dentro de Marília vão do centro até a zona Sul, passando pelo Sest/Senat para pegar a primeira estrada rural, seguindo para Ocauçu (Nova Colômbia, área urbana e São Benedito), Amadeu Amaral, até chegar em Avencas. Um trajeto de 100 quilômetros, de 6 horas de duração em média, com 1.800 metros de altimetria e grau de dificuldade considerado alto.

A ‘Rota das Capelas – Alto Cafezal’ conta com roteiro ecumênico e cultural que passa por uma região montanhosa, considerada o ‘Dedo de Deus’, pela Gruta de Nossa Senhora Auxiliadora e pelas seguintes paradas religiosas: Capelas Nossa Senhora Auxiliadora e Nossa Senhora Aparecida, em Nova Colômbia; Igreja Santo Antônio de Pádua e Capela São Benedito, em Ocauçu; Capela Santa Izabel, em Amadeu Amaral, e o Mosteiro de Avencas.

De acordo com as informações do secretário municipal de Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Nelson Mora, todo o percurso é identificado com placas de sinalização, com setas indicativas para auxiliar os ciclistas e locais para pontos de apoio, com hidratação e alimentação dos participantes. “O circuito contribui para a divulgação das belezas e paisagens de nossa região, valorizando o potencial de turismo”, ressaltou.

O projeto foi idealizado por vários grupos pertencentes à comunidade do ciclismo de Marília e região, composta por esportistas, empresários do ramo de bicicletas e outros amantes do Turismo Rural. A rota contempla a estrada mais antiga da região, aberta pela expedição geográfica de Campos Novos Paulista, que passa por São Benedito e segue até o distrito de Avencas. “A ideia é resgatar um trajeto histórico que faz parte do surgimento do nosso município e das vilas, sítios e fazendas situadas no trecho, além das capelas instaladas no percurso”, explicou Mora.

O prefeito Daniel Alonso parabeniza mais uma edição desta iniciativa turística do Município. “Marília possui belezas naturais, vales, um Bosque Municipal e um Complexo Cultural, inclusive com o Museu de Paleontologia, e a ‘Rota das Capelas’ desenvolvida pelos grupos de ciclistas criaram um evento tão rico, valorizando a história e a paisagem da região, que já está atraindo muita gente de fora”, concluiu o prefeito.

 

Por fim, leia mais O Mariliense

Veja também...

Rolar para cima